Views
3 months ago

edição de 23 de janeiro de 2017

  • Text
  • Paulo
  • Janeiro
  • Brasil
  • Marca
  • Mercado
  • Propmark
  • Jornal
  • Anos
  • Marcas
  • Ainda

Fotos: Divulgação

Fotos: Divulgação Camila Farani, investidora do programa Shark Tank Brasil Matheus Moraes, diretor de política e comunicação da 99 “o investidor- -anjo tem um papel soCial muito grande, pois ContriBui para a geração de empregos e para a eConomia. e isso, para a nação, é muito relevante” uma boa apresentação da minha ideia no PowerPoint. Aí os dois investidores convidaram mais sete conhecidos e amigos para a rodada. Cada um colocou valores entre R$ 50 mil e R$ 500 mil. Com isso conseguimos captar um total R$ 2,5 milhões, o que foi suficiente para iniciar a Loggi”, lembra Mendez. “Um bom investidor-anjo pode fazer a diferença entre sucesso e fracasso nos primeiros meses da empresa. No nosso caso, tivemos sorte e nossos investidores-anjo se enquadraram no conceito de smart money: não somente trouxeram capital, mas também experiência e conexões no mercado, o que nos ajudou a adquirir clientes ou captar nossas futuras rodadas de investimento”, acrescenta. Mendez ressalta a importância destes investimentos para a expansão do negócio, que hoje atua também no Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba e Porto Alegre. “Sem dúvida, a cada rodada de investimento a empresa dá um salto qualitativo e evolui com muito mais agilidade e capacidade de expansão. No nosso caso, Rafa Prado, idealizador do evento Ebulição Instantânea foi possível ampliar o portfólio de produtos e também expandir para outras cidades”, afirma. anjOs Considerada um dos principais nomes do investimento-anjo no Brasil, Camila Farani é uma das investidoras da versão brasileira do reality Shark Tank Brasil – Negociando com Tubarões, exibido pelo Canal Sony desde outubro passado. Na atração, a executiva – que divide a atração com outros investidores, como o cantor, compositor e empresário Sorocaba e o fundador da Polishop, João Appolinário – é colocada frente a frente com empreendedores que apresentam suas ideias para tentar conquistar um investimento. Desde que está no ar, a atração, somando os aportes de todos os investidores, já tem mais de R$ 6 milhões investidos em 22 empresas, sendo que 64 se apresentaram. “Para mim, no programa, uma das coisas primordiais é entender a postura do empreendedor, o quanto ele é dedicado, sabe do negócio dele e apresenta isso de forma concisa. E isso vale para a vida real”, comenta. Na opinião da executiva, que já investiu em mais de 15 startups diretamente, além de outras dez como parte de uma aceleradora, o investidor-anjo é uma das melhores formas de desenvolver uma empresa. “O investidor-anjo agrega à sua rede de relacionamento, com expertise e networking. Ele alavanca uma startup a partir do momento que entende que pode ser mais ativo. Mas também tem o investidor passivo, que só entra mesmo com o capital”, difere Camila. “O investidor-anjo, e aqui falo como investidora e como shark no programa, tem um papel social muito grande, pois contribui para a geração de empregos e para a economia. E isso, para a nação, é muito relevante. Grandes empresas, como Facebook, Instagram e Pinterest, tiveram anjo, com capital e inteligência”, ressalta. Nessa mesma linha do programa, São Paulo foi escolhida para sediar o evento Ebulição Instantânea (realizado entre os dias 20 e 22), que pela primeira vez trouxe para o Brasil o empresário global e um dos tubarões originais da versão americana do Shark Tank, Kevin Harrington. O executivo já movimentou mais de US$ 5 bilhões com o lançamento de mais de 500 produtos em todo o mundo e, por aqui, foi apresentado a 15 projetos com potencial para receber até R$ 1 milhão em investimento. “O objetivo do evento Ebulição Instantânea é mostrar como pessoas podem sair do zero e se tornarem bem-sucedidas. Mais de 50% dos bilionários da Forbes são self made people, por isso acredito na cultura do sucesso”, diz Rafa Prado, influencer do mundo business e idealizador do evento. A verba de R$ 1 milhão que será investida em startups do Ebulição é dos investidores Roberto Justus, Carlos Wizard, Robert Cialdini, além de Rafa Prado e Kevin Harrington, todos participantes do evento. 34 23 de janeiro de 2017 - jornal propmark

parabéns, sampa! Gigantes da internet reconhecem importância de estimular novidades Facebook mantém projeto com 440 startups; Google classifica São Paulo como uma cidade que movimenta a economia digital mariana zirondi Como qualquer novo negócio, as startups também passam por períodos difíceis de estruturação e financiamento. Por se tratar de ideias inovadoras, que ainda não foram testadas, o desafio se mostra ainda maior. Entretanto, o desenvolvimento das comunidades depende dessas novidades para provocar transformações nos modelos de negócios da sociedade. Empresas de tecnologia, como Google e Facebook, enxergam São Paulo como uma cidade com forte potencial para a economia digital, tornando-se uma escolha natural para abrigar projetos que apoiem as startups. O Campus São Paulo, por exemplo, é uma iniciativa do Google para empreendedores aprenderem, conectarem-se e criarem empresas inovadoras e de alto impacto. A instalação física tem mais de 2.600 metros quadrados com espaços para eventos, andares para coworking, salas de reunião, além do Campus Café, que recebe 160 pessoas nos dois andares. André Barrence, diretor do Campus São Paulo e do Google for Entrepreneurs, explica que o empreendedorismo vem crescendo nos últimos cinco anos, e a companhia viu na cidade a oportunidade de alavancar esse ecossistema. “A escolha foi baseada nesse potencial e na nossa presença cada vez maior no Brasil”, diz. “A alta densidade de empreendedores e a geração de atividade econômica em São Paulo são excelentes para as startups. No entanto, isso não quer dizer que outros ecossistemas brasileiros não possam se devolver”, explica. Além disso, a cidade tem O Campus São Paulo é uma iniciativa do Google, com mais de 2.600 metros quadrados e circulação de 600 pessoas por dia “Depois De quatro meses De trabalho, as startups já progreDiram na melhoria De proDutos e serviços, aumentanDo as operações e chamanDo atenção pela velociDaDe De crescimento” uma comunidade startup jovem e próspera, com a presença de um escritório do Google para oferecer apoio e mentoria, e também porque as empresas baseadas na capital paulista podem ter um alcance global e gerar desenvolvimento econômico para todo o país e para a América Latina. Para participar do Campus São Paulo, as startups precisam enviar suas inscrições, que estão abertas até o próximo dia 27. Quando aprovadas, elas se tornam integrantes residentes e podem aproveitar o espaço durante seis meses, esclarece Barrence. Já os integrantes da comunidade podem se registrar de graça no site do Campus e ganhar acesso ao Campus Café, além de eventos e aulas. Inaugurado em 13 de junho de 2016, ao todo o Campus São Paulo já soma mais de 56 mil inscritos, com um fluxo diário de 600 pessoas. Em tempos de crise, o projeto chega como um ativo que traz soluções expressivas para conhecer o mercado e desenvolver produtos. “Estamos bem satisfeitos com o volume de interessados, com destaque para 35% do público ser feminino. Depois de quatro meses de trabalho, as startups já progrediram na melhoria de produtos e serviços, aumen- Divulgação tando as operações e chamando a atenção pela velocidade de crescimento”, explica. Facebook O Facebook tem um projeto chamado FBStart com mais de 9 mil startups, sendo 440 delas brasileiras. Em três anos de programa, já foram transferidos mais de US$ 9,5 bilhões em benefícios com pacotes de ferramentas e serviços gratuitos por conta de parcerias com empresas como Adobe, Salesforce, MailChimp e Hootsuite. Em Paris, por exemplo, a rede social vai abrir sua primeira incubadora de startups. As operações devem começar em abril, com o projeto do empreendedor francês Xavier Niel, que investiu 250 milhões de euros na iniciativa. Será considerado o maior campus de startups do mundo, com mil empresas e terá apoio de especialistas do Facebook durante seis meses. jornal propmark - 23 de janeiro de 2017 35

PROPMARK

PROPMARK

Receba nossa newsletter

CADASTRAR

© Copyright 2000-2017 propmark o jornal do mercado da comunicação. Todos os direitos reservados.