Views
5 months ago

edição de 22 de maio de 2017

  • Text
  • Anos
  • Propmark
  • Maio
  • Jornal
  • Novelas
  • Arte
  • Novela
  • Diretor
  • Brasil
  • Trama

mercadO Genoma é

mercadO Genoma é maior anunciante de 2016 Laboratório fica no topo do ranking de investimento em mídia pelo segundo ano consecutivo, superando Via Varejo, Unilever e Hypermarcas Paulo Macedo laboratório Genoma (ver tabela) está na O liderança do ranking de investimentos brutos em mídia do Kantar Ibope Media, que fez a divulgação no último dia 16. Fabricante de marcas como Asepxia, Cicraticure e Goigochea, a empresa destinou R$ 3,448 bilhões em 2016 à comunicação. Mas houve subtração em relação a 2015, quando o anunciante reservou R$ 3,951 bilhões para publicidade. Na 2ª posição está a Via Varejo, controladora das Casas Bahia, Ponto Frio e Bartira, com R$ 3,219 bilhões. Em 3º está a Unilever, com R$ 2,793 bilhões. Em seguida aparacem, pela ordem, a Hypermarcas (R$ 2,285 bilhões), Caixa (R$ 1,714 bilhão), Procter & Gamble (R$ 1,586 bilhão), Ambev (R$ 1,207 bilhão), Grupo Telefônica (R$ 1,158 bilhão), Trivago (R$ 1,122 bilhão) e General Motors (R$ 1,118 bilhão). A métrica do Kantar Ibope Media contempla os preços cheios das tabelas dos veículos de comunicação, sem os descontos e negociações praticados. Por exemplo, a verba anual declarada da Caixa Econômica Federal é de cerca de R$ 600 milhões, mas o banco estatal está listado com um volume supe- Os 10 mais anunciante investimentO em R$ bilhões Genoma 3,448 Via Varejo 3,219 Unilever 2,793 Hypermarcas 2,285 Caixa 1,714 Procter & Gamble 1,586 Ambev 1,207 Grupo Telefônica 1,158 Trivago 1,122 General Motors 1,118 rior a R$ 1,7 bilhão na pesquisa. O Genoma é tradicional anunciante da Record TV, Band e Rede TV!. O volume bruto é elevado, mas não há acesso às negociações da empresa, que é atendida pela David, com os veículos. O anunciante tem como política não conceder entrevistas. O estudo do Ibope também contempla os segmentos econômicos que mais investiram em ações de mídia em 2016, período que contabilizou um total de R$ 129,9 bilhões. O comércio e o varejo alocaram R$ 23,650 bi- lhões em compra de mídia e ocupam a 1ª posição. Os serviços ao consumidor estão na 2ª colocação, com R$ 14,712 bilhões. O 3º lugar é ocupado pelos setores de beleza e higiene pessoal, com R$ 12,433 bilhões. Mercado financeiro e seguros, que aparecem em 4º lugar, investiram R$ 10,277 bilhões. O universo farmacêutico compareceu com R$ 8,414 bilhões e está listado em 5º lugar. As áreas de cultura, lazer, esporte e turismo, que investiram R$ 7,788 bilhões, aparecem em 6º. Alimentação está em 7º, com R$ 6,907 bilhões. Acessórios, veículos e peças, em 8º, realizaram investimento de R$ 6,791 bilhões. O 9º lugar foi assegurado pelas áreas de serviços públicos e sociais, com um volume de R$ 6,569 bilhões. Em 10º lugar está o mercado de mídia, com R$ 6,424 bilhões. No caso específico do segmento de mídia, a maior parte dos recursos é usada nas grades de publicidade dos veículos, expediente conhecido como calhau. O que é destinado à comunicação, como ações de trade, por exemplo, não tem valor expressivo. A medição do Ibope, porém, tem parâmetro conhecido e serve para uma comparação com base no preço das tabelas. “ A ELEMIDIA MEXE COM MINHAS VENDAS PORQUE TEM CREDIBILIDADE E IMPACTA NOS MOMENTOS DE TOMADA DE DECISÃO. Roberto Gnypek VP de Marketing McDonald’s “ M exe com a sua cabeça elemidia.com.br 8 22 de maio de 2017 - jornal propmark

“NÃO TEMOS CLIENTES, TEMOS CAUSAS.” TUDO DE NOVO A DM9 É UM BEBÊ. #TUDODENOVO PARABÉNS AO PROPMARK POR APOIAR AS GRANDES CAUSAS DA PROPAGANDA, HÁ 52 ANOS.

PROPMARK

PROPMARK

Receba nossa newsletter

CADASTRAR

© Copyright 2000-2017 propmark o jornal do mercado da comunicação. Todos os direitos reservados.