Views
2 months ago

edição de 20 de fevereiro de 2017

  • Text
  • Marca
  • Fevereiro
  • Propmark
  • Jornal
  • Brasil
  • Anos
  • Marcas
  • Paulo
  • Mercado
  • Tudo

AgênciAs Tudo conquista

AgênciAs Tudo conquista marcas da Ambev para ativação de projetos regionais O plano é impulsionar as linguagens pertinentes ao comportamento dos diversos "Brasis" existentes no país para Skol, Brahma e Antarctica Paulo Macedo Agência Tudo deu início à A operação que contempla a ativação de projetos regionais para as marcas Brahma, Skol e Antarctica, todas da empresa de bebidas Ambev. O primeiro grande projeto envolve o Carnaval de São Paulo, que tem patrocínio da Skol. A ambição é transformar a data em um território mercadológico estratégico para Skol, muito além da exposição de materiais promocionais e a venda de produtos através de oito mil ambulantes cadastrados. Todos receberam treinamento específico para padronizar a operação. Dos 491 blocos carnavalescos cadastrados pela Prefeitura de São Paulo, a Skol está envolvida diretamente com 60, entre os quais o Sargento Pimenta, que reúne 50 mil foliões. A festa Feriado redondo, realizada no último dia 25 de janeiro, aniversário da cidade, no espaço Monumento das Bandeiras, foi o marco da estratégia, com uma adesão de 40 mil pessoas. A estratégia também envolve o Carnaval de Ribeirão Preto. Segundo Maurício Magalhães, presidente da Tudo, o interesse da Ambev é organizar o Carnaval paulistano e transformá-lo em um dos melhores do país. “Em termos de tamanho, é o Carnaval que mais cresce no país e tem toda a possibilidade de disputar a preferência com cidades como Rio de Janeiro, Salvador e Recife, por exemplo. É uma cidade que tem infraestrutura e já conta com mais blocos do que o Rio, só perdendo em volume de integrantes”, explica Magalhães, que integra o conselho de comunicação do governo João Doria, em São Paulo. Se Skol vai estar associada à folia, o aproveitamento de Brahma será com música sertaneja, não só em São Paulo, O presidente da Tudo, Maurício Magalhães, quer levar a expertise regional da agência para impulsionar negócios da Ambev “Temos um olhar direcionado para enTender o Brasil que aBriga muiTos Brasis, cada um deles Tem háBiTos de consumo Bem diferenTes. a Tudo pode ajudar a amBev, por exemplo, a impulsionar negócios com linguagens para cada mercado” Divulgação mas também no Rio de Janeiro. O propósito é marcar presença em eventos agropecuários de grande porte, feiras, shows e casas noturnas que associam a sua imagem ao gênero. A linha Antarctica, que domina o Carnaval fluminense, ainda está com a estratégia sendo planejada. A Tudo tem expertise em ações regionais. Ela organizou um estudo batizado de Arroz de Festa, que detalhou mais de 600 eventos em todo o país nas áreas de música, cultura, moda, beleza, rural, esportes, bem-estar, gastronomia e religiosos, como o Círio de Nazaré, em Belém. A análise não se restringiu aos aspectos geográficos, mas também aos patrocínios, organização e oportunidades. “Temos um olhar direcionado para entender o Brasil que abriga muitos Brasis. Cada um deles tem hábitos de consumo bem diferentes. A Tudo, com sua experiência multiplicada, pode ajudar a Ambev, por exemplo, a impulsionar negócios com linguagens pertinentes a cada mercado”, explica Magalhães enfatizando que o namoro com a Ambev já durava algum tempo. “No fim do ano passado o diretor de negócios Iron Neto acelerou o contato com o anunciante, que buscávamos há algum tempo, e teve a boa notícia que marcou nossa festa de Réveillon”, acrescentou. “Em 11 anos de atuação, a agência tem se destacado por conectar grandes marcas a pessoas, através de projetos transformadores. O desafio de trabalhar com as três maiores marcas de cervejas, nos dois maiores mercados brasileiros (Rio e São Paulo), é um incentivo para nossas equipes”, finaliza Iron, lembrando que este ano chegou à carteira de clientes da Tudo a Thomson Medical Centre. 50 20 de fevereiro de 2017 - jornal propmark

agências DM9DDB reorganiza mídia com a unificação das áreas digital e off O presidente Paulo César Queiroz aceita convite de Nizan Guanaes e passa a comandar setor que era dirigido pelo executivo Adrian Ferguson Paulo Macedo Divulgação DM9DDB resolveu unificar as estratégias de mídia online e offline em um A só departamento. Para comandar a área foi escalado o presidente da agência, o executivo Paulo César Queiroz. Com essa decisão, desligou-se da empresa o vice-presidente Adrian Ferguson, que vai passar por um período de estudos fora do Brasil. A reformulação na mídia é uma sugestão de Nizan Guanaes, que retornou à operação da DM9 com o plano de chacoalhar a estrutura do negócio que tem base no conceito #tudodenovo. Queiroz já conduzia os principais negócios de mídia com a compra dos principais pacotes, como o futebol da Rede Globo para a Johnson & Johnson. “O Nizan me pediu para concentrar esforços na mídia, não só por ser minha especialidade, mas porque já estou completamente envolvido com a gestão de negócios. A partir de agora tudo vai estar integrado. O Adrian optou por deixar a agência. Mas todos nós sabemos que o seu talento é inquestionável. E sua contribuição foi bastante positiva”, disse Queiroz, estudioso das novas tecnologias como big data. “Estou assumindo a área de mídia da agência e unificando nossas áreas de performance digital e mídia Paulo César Queiroz acumula presidência da DM9DDB com a gestão de mídia, que passa a integrar on e offline tradicional. É uma evolução natural, que os próprios clientes estavam pedindo”, acrescentou. O executivo Vicente Varella, contatado para substituir Igor Puga, que deixou a agência para assumir a direção de marketing do Banco Santander em novembro de 2016, vai ser o braço direito de Queiroz, usando a própria expressão. Varela é especialista e estudioso em mídia programática. Queiroz Vicente Varella será braço direito de Queiroz, com seu conhecimento apurado de mídia programática é mídia há 35 anos. Foi nessa função que construiu sua carreira, que envolve passagens pela CBBA, McCann-Erickson e depois na DM9 e Grupo ABC. “Paulo Queiroz sempre foi considerado o maior mídia do país, inclusive pelos seus pares. Nós queremos essa força a serviço dos nossos clientes”, afirma Nizan Guanaes, sócio-fundador do grupo ABC, que controla a DM9 com a hoilding norte-americana Omnicom. Publicitários brasileiros participam de reuniões globais de suas redes Os brasileiros André Felix, VP de criação da Y&R Miami, e Paulo Sanna, CCO da Wunderman, garantem presença em boards internacionais de suas respectivas agências. Felix integra o Global Creative Board da Y&R, presidido pelo publicitário Tony Granger, o CCO global da multinacional. O grupo conta ainda com o brasileiro Rafael Pitanguy, VP de criação da Y&R Brasil. O board terá sua próxima reunião em março, em Memphis, nos Estados Unidos, com o objetivo de definir diretri- Paulo Sanna, da Wunderman, e André Felix, da Y&R Miami: reuniões internacionais Fotos: Divulgação zes criativas para os próximos anos. Sanna, por sua vez, participou, na semana passada, do Meeting Global da Wunderman, realizado em Amsterdã. O tema do encontro foi Creative Data. Na pauta estão as inovações e oportunidades para extrair insights cada vez mais criativos do big data. A reunião internacional contou com a participação das principais lideranças criativas mundiais da rede. Ao todo, a Wunderman está presente em 170 países. jornal propmark - 20 de fevereiro de 2017 51

PROPMARK

Receba nossa newsletter

CADASTRAR

© Copyright 2000-2017 propmark o jornal do mercado da comunicação. Todos os direitos reservados.