Views
4 months ago

edição de 13 de fevereiro de 2017

  • Text
  • Brasil
  • Mercado
  • Fevereiro
  • Propmark
  • Jornal
  • Marketing
  • Anos
  • Ainda
  • Marca
  • Apenas

AgênciAs Ricardo

AgênciAs Ricardo Figueira, novo diretor-executivo de criação da Africa, que trabalhará ao lado de Rodrigo Maroni e Fabiana Baraldi Divulgação Africa tem novo diretor executivo de criação Após sete anos em Londres, Ricardo Figueira volta ao Brasil para completar trio de lideranças na empresa Africa passa por novas mudanças na estrutura da agência. Na semana passada, A foi anunciada a chegada do diretor-executivo de criação Ricardo Figueira e a saída do VP de criação Eco Moliterno. A chegada do profissional, que estava há sete anos no exterior, acrescenta o braço de criação à estrutura que já tem Rodrigo Maroni, VP de planejamento e estratégia, e Fabiana Baraldi, diretora de operações. O trio vai se reportar diretamente aos copresidentes Márcio Santoro e Sérgio Gordilho. Figueira estava em Londres. Lá, o publicitário ajudou a consolidar o processo de integração da Saatchi & Saatchi, além de tocar os projetos de transformação e inovação de marcas e negócios na agência. Durante o período que esteve fora do Brasil, ele também passou pela J. Walter Thompson, em que atuou como diretor-executivo de criação digital e, depois, integrated creative partner. Figueira também liderou criativamente clientes globais para a Isobar. “O Figueira é um sonho antigo. Há muitos anos estamos acompanhando seu trabalho, transformando agências em um mercado tão inovador e difícil como o de Londres. Ele chega na hora certa e sua experiência vai contribuir para os desafios atuais e futuros da nossa indústria”, afirma Gordilho. Moliterno deixa a Africa para trabalhar na Accenture. “Eco desenvolveu um grande trabalho aqui na Africa. Somos gratos a ele por todas as conquistas e o papel essencial que teve ao me ajudar a digitalizar a agência por inteiro. Nós lhe desejamos toda a sorte no seu novo desafio”, diz Gordilho. Moliterno retribui o elogio. “Não trocaria a Africa por nenhuma outra agência, pois, na minha opinião, ela é a melhor do mercado. E o que me atraiu nesse convite é exatamente o fato de não ser para uma agência”, conta. A Africa tem passado por mudanças. No início do mês, Nizan Guanaes, chairman do Grupo ABC, anunciou que se mudaria fisicamente da agência para a DM9DDB. Seu propósito é “chacoalhar” a agência que fundou há 27 anos com base em um conceito cada vez mais digital. 24 13 de fevereiro de 2017 - jornal propmark

AGÊNCIAS Score Group é a nova identidade da The Market Store, que deixa o Brasil Especializada em PDV, marca vai revitalizar operação na América Latina, incialmente no México e Argentina, para clientes como Ambev, BRF e Fiat Paulo Macedo Liderada pelo CEO Britto Jr., a Score Group formalizou o fim do vínculo que mantinha com a agência norte-americana The Marketing Store, da holding Havi, que chegou ao mercado brasileiro em 2002 com a compra da Rocha Azevedo. A nova marca passa a ser usada oficialmente a partir de março. O processo teve início no ano passado, quando a operação regional na América Latina da TMS foi adquirida por um grupo de profissionais brasileiros que atuavam na agência. Com a nova identidade, vai retomar projetos no exterior, inicialmente no México e Argentina, mas o plano também contempla a abertura de unidades no Chile e na Colômbia. Agência global de brindes do Happy Meal (McLanche Feliz) do McDonald’s, a TMS terá apenas contato no país com esse cliente, que será atendido por um hub em Chicago, nos Estados Unidos, exclusivamente para esse fim. A estratégia de PDV ficará sob a responsabilidade da Score. Britto Jr. é o principal acionista, mas os executivos Fabricio Klug, Carolina Vanuci, Lucas Elias e Mauro Faustino têm participação. 36 funcionários dos 100 que integram a Score têm participação acionária. “Em março, publicaremos o primeiro balanço e vamos ter um resultado muito positivo. Não podemos dar detalhes, mas enfrentamos a crise de 2016 com saúde financeira”, resume Britto. “Para 2017, continuamos com planos de crescimento. A operação ganhou maior fluidez após a compra”, acrescenta. O aumento das receitas envolve projetos para a carteira de clientes locais, entre os quais Fiat, Mondelez, BRF, Arcor e Ambev. Também será com essas marcas que a Score vai Fabricio Klug, Britto Jr, Carolina Vanuci, Lucas Elias e Mauro Faustino são os acionistas que estão na liderança da Score Group “O marketing prOmOciOnal estabelece relevância em tempOs de crise. e precisa ser eficiente pOrque temOs apenas cincO segundOs para cOntar uma história sOb O riscO de O shOpper mudar de ideia” buscar espaço fora do Brasil. “Compramos a TMS na região. Como temos esses clientes panregionais, é uma oportunidade que vamos aproveitar. Serão escritórios enxutos que vão ter o suporte da estrutura brasileira”, destaca Britto. A expertise da agência é o desenvolvimento estratégico nos PDVs com conhecimento da jornada do shopper, inclusive para interferir no store planning, visibilidade nas prateleiras, ativação, marketing de incentivo, organização de eventos, degustação e reposição, por exemplo. Para a Páscoa de 2017 da Mondelez (Lacta) está com uma série de brindes para os ovos infantis de Barbie, Hot Wheels, Everv Aftyer Hight e Batman. O plano para a data começou a ser delineado há cerca de um ano. Para produzir os 20 milhões de brindes que manufatura anualmente, conta com quatro fábricas no Brasil, 12 na China e uma no Paraguai, em conformidade com as regras do Inmetro. “Também temos uma auditoria rigorosa dos licenciadores, como Disney, Mattel e Universal. Por isso contamos com um time de engenheiros e outros especialistas para não ter erro”, observa Britto. Para a Ambev, a agência coordena ações de PDV de todas as suas marcas. O trabalho mais recente foi para a cerveja Colorado. Para a Fiat esteve à frente em 2016 da campanha Test drive em 600 concessionárias. “Os generalistas fazem dianóstico, mas a execução exige a presença de especialistas. O marketing promocional estabelece relevância em tempos de crise. E precisa ser eficiente porque temos apenas cinco segundos para contar uma história sob o risco de o shopper mudar de ideia”, ele finaliza. jornal propmark - 13 de fevereiro de 2017 25

PROPMARK

PROPMARK

Receba nossa newsletter

CADASTRAR

© Copyright 2000-2017 propmark o jornal do mercado da comunicação. Todos os direitos reservados.