Views
3 months ago

edição de 1º de fevereiro de 2016

  • Text
  • Brasil
  • Propmark
  • Fevereiro
  • Campanha
  • Jornal
  • Paulo
  • Filme
  • Ainda
  • Mercado
  • Mundo

produtorAs

produtorAs Academia de Filmes completa 20 anos e contrata cinco diretores André Vidigal, Pepe Puenzo, Jaques Dequeker, Boca Ceravolo e Pedro Molinos são os novos reforços da equipe Vinícius noVaes Academia de Filmes comemora 20 anos no mer- A cado brasileiro em 2016. A produtora começa o ano com a reafirmação do objetivo de ser cada vez mais inovadora e criativa em diferentes linguagens e telas. Para isso, reforça a equipe de direção de cena com cinco novos nomes, focando especialmente em publicidade e marcas. André Vidigal chega depois de passar pelas produtoras Crash of Rhinos e Sentimental. O diretor é a nova aposta da casa para direção de atores e humor, e, apesar de jovem, já tem na bagagem muitos filmes. “A produtorA tem de estAr à frente do seu tempo” Ainda entre os novos talentos, está o fotógrafo de moda Jaques Dequeker. Experiente, o profissional trabalha há mais de dez anos com as principais marcas de moda e beleza do mundo, o que o faz viver entre São Paulo e Nova York. Outra novidade é que o argentino Pepe Puenzo será representado no Brasil pela 30 de fevereiro de 2016 - jornal propmark

Fotos: Divulgação Cena de inquietações_sP, um concurso de argumentos sobre a capital paulista, exibido quando a cidade completou 462 anos, no último dia 25 Academia de Filmes. Versátil, ele já filmou em inglês, chinês, russo, além de espanhol, tanto histórias de comédia quanto de drama, com linguagem cinematográfica. Boca Ceravolo, que teve passagens pela Consulado e pela The Kumite, assume também a posição de head of art da produtora, além da direção de cena de projetos live- -action. Sua função ainda é estratégica na pós-produção de todos os filmes da casa. Pedro Molinos, que teve uma longa trajetória como diretor de fotografia (Ó Paí, Ó, entre outros), antes de se especializar na direção de cena para clientes de moda, completa a nova equipe. “Já temos um time muito relevante de talentos de direção na casa, mas tomamos a decisão de trazer nomes que vão tornar a equipe mais forte, com perfis e experiências diferentes”, diz Paulo Schmidt, fundador da Academia de Filmes. Além disso, a produtora iniciou as gravações do reality show sobre a vida do chef Henrique Fogaça, para o canal TLC. Schmidt conta que, como qualquer player no mercado, uma produtora precisa acompanhar todos os movimentos do mundo. “A produtora precisa estar sempre à frente do seu tempo. Precisamos estar antenados e saber o que o mundo está fazendo”, conta. Em relação à atual situação do mercado, Schmidt afirma que “hoje não se discute mais a qualidade da produção brasileira”. “As distâncias se encurtaram e ao longo dessas duas décadas estamos acompanhando todas essas mudanças”, garante o fundador da produtora. De acordo com Schmidt, a produtora vem produzindo conteúdos desde 2005. “A gente produz conteúdo para todas as telas”, diz. Um dos produtos feitos recentemente pela Academia de Filmes foi Inquietações_SP, um concurso de argumentos multimídia para estimular a criação de histórias que têm como objetivo refletir sobre a vida em São Paulo. No aniversári o de 462 de São Paulo, dois curtas documentais foram produzidos. Trecho do documentário inquietações_sP, produzido pela Academia de Filmes Documentário foi exibido durante o aniversário de 462 anos de São Paulo Paulo Schmidt, fundador da produtora: “A gente produz conteúdo para todas as telas” jornal propmark - de fevereiro de 2016 31

PROPMARK

PROPMARK

Receba nossa newsletter

CADASTRAR

© Copyright 2000-2017 propmark o jornal do mercado da comunicação. Todos os direitos reservados.